Audiência Pública – Sobre a Síndrome de Irlen

 

Fontes: http://www2.camara.leg.br/atividade-legislativa/comissoes/reunioes-comissoes/pesquisa/pesquisa_reunioes_comissao http://www.camara.leg.br/internet/ordemdodia/ordemDetalheReuniaoCom.asp?codReuniao=47327                                                                             http://www2.camara.leg.br/atividade-legislativa/comissoes/reunioes-comissoes/pesquisa/videoArquivo?codSessao=65884&codReuniao=47327 http://www.camara.leg.br/presReuniaoComissao/consulta?idereuniao=47327

As comissões de Seguridade Social e Família e de Educação promoveram, na terça-feira (13/06/2017), uma audiência pública conjunta para discutir diagnóstico e tratamento da Síndrome de Irlen. Essa audiência publica foram convocadas nos termos de requerimentos n. 495549290 das vossas Excelências deputada Geovânia de Sá, deputado Pedro Cunha Lima e subscrita pelo deputado Marcus Pestana.

Agradecemos o engajamento e participação dos excelentíssimos deputados que viabilizaram e participaram da Audiência Pública e convidamos àqueles que não puderam estar presentes, vale a pena conhecer a síndrome e estudos empíricos, bem como os tratamentos que tem mudado a vida de várias pessoas e em sua maioria crianças.

Foram convidados para compor a mesa:

  • Dr. Fernando Machado representando o ministério da saúde;
  • Dr. José Rafael Miranda da coordenação geral de política pedagógica da educação especial do ministério da educação;
  • Dr. José Fernando Maia Vinagre, representante do conselho Federal de medicina;
  • Dra. Ângela Maria Vieira Pinheiro, professora da UFMG;
  • Dr. Ricardo Queiroz Guimarães, presidente da fundação do Hospital de Olhos;
  • Dra. Márcia Fernanda da Costa Reis Guimarães, médica oftalmologista;
  • Presidente da comissão de seguridade e familiar, Excelentíssimo sr. Deputado Iran

 Deputados Presentes:

Adelmo Carneiro Leão, Alan Rick, Arlindo Chinaglia, Arnaldo Faria de Sá, Carlos Gomes, Carlos Henrique Gaguim, Carlos Manato, Carmen Zanotto, Célio Silveira, Christiane de Souza Yared, Conceição Sampaio, Danilo Forte, Diego Garcia, Dr. Jorge Silva, Dr. Sinval Malheiros, Dulce Miranda, Eduardo Barbosa, Evair Vieira de Melo, Fabio Reis, Flávia Morais, Flavinho, Francisco Chapadinha, Geovânia de Sá, Geraldo Resende, Glauber Braga, Heitor Schuch, Hiran Gonçalves, João Campos, João Paulo Kleinübing, Jones Martins, Jorge Solla, Juscelino Filho, Laura Carneiro, Leandre, Lobbe Neto, Mandetta, Marcus Pestana, Miguel Lombardi,  Odorico Monteiro, Paulo Foletto, Pedro Cunha Lima, Pollyana Gama, Pr. Marco Feliciano, Professora Dorinha Seabra Rezende, Professora Marcivania, Raimundo Gomes de Matos, Roberto Britto, Ságuas Moraes, Saraiva Felipe, Sergio Vidigal, Silas Freire, Tenente Lúcio, Weliton Prado, Zenaide Maia.

A audiência também contou com a presença de pais de crianças com a síndrome de Irlen, representando toda a sociedade interessada. Foi entregue por Kalina Donato aos parlamentares, Excelentíssimo Sr. Deputado Pedro Cunha de Lima e Excelentíssima Sra. Deputada Geovânia de Sá,  uma petição com cinco mil assinaturas pedindo o debate do assunto e avanços no tratamento.

Deu-se inicio a sessão o excelentíssimo deputado Marcus Pestana, convocando a profª Drª. Angela Maria Vieira Pinheiro para a sua exposição.

A profª Drª. Angela Maria inicio agradecendo a oportunidade de estar participando da audiência para debate do diagnóstico e tratamento da Síndrome de Irlen e agradeceu também aos deputados que fizeram o requerimento. Falou sobre sua trajetória profissional e depois deu uma excelente explicação sobre o que é  dislexia, causas, consequências e as comorbidades.

Assista o video

 

Drª. Márcia Fernanda da Costa Reis Guimarães, médica oftalmologista,  iniciou a sua exposição dizendo: “Hoje é realmente um dia muito especial porque reflete o que se tornou praticamente a razão das nossas vidas como médicos que é justamente esse trabalho de que é conhecido popularmente como Síndrome de Irlen, que do ponto de vista médico, uma disfunção do sistema magnocelular, ou seja, um dos dois sistemas da visão humana.”

Drª. Márcia falou sobre a sua experiência profissional, sobre como criaram a Fundação Hospital dos Olhos logo após voltarem para o Brasil com seu esposo Dr. Ricardo Guimarães, sobre os projetos, treinamentos, sintomas e dificuldades das crianças portadoras de síndrome de Irlen na sala de aula e aprendizado. Senão tiverem acesso ao Overlay que ajuda a superar as dificuldades, essa crianças iram perder o estimulo e terão o aprendizado comprometido.

Assista o vídeo

 

Dr. Ricardo Queiroz Guimarães, presidente da fundação do Hospital de Olhos, iniciou a sua fala agradecendo o deputado Marcus Pestana, Hilton Rocha, professor com quem ele se formou e aprendeu a desenvolver este trabalho e Arlindo Chinaglia, presidente da associação dos médicos residentes de São Paulo na época que ele também era presidente dos médicos residentes de MG,  deputado Leão e a todos os deputados ali presidentes que estavam por se interessar pela causa da educação.

Dr. Ricardo falou da dislexia, desvio funcionais da visão das crianças hipersensíveis do ponto de vista funcional.

Também destacou o trabalho  que é feito com grande rigor científico dentro da universidade federal de minas gerais e comenta da importância de se inserir a síndrome de Irlen na tabela do SUS para que muitas crianças tenham acesso ao tratamento, aumentando até 20% de melhora do índice na educação. Por fim, agradece os deputados Geovania de Sá e Pedro Cunha Lima que deram a oportunidade de trazer essa mensagem para o ministro Mendonça através do representante do Ministério da Educação.

Assista o vídeo

 

Entrega da petição por Kalina Donato aos deputados Pedro Cunha Lima e Geovânia de Sá

IMG_3091

Assista o video

 

Para assistir os outros vídeos da audiência na ordem acessam o link

Lista dos vídeos da audiência – 13/06/2017

 

 

 

 

 

Anúncios